Como Não Perder a Sua Alma (V)

J. C. Ryle

     E agora concluo este artigo com três palavras de atenção amorosas, que eu de coração oro a Deus, para que abençoe muitas almas. Eu não sei em que mãos estas páginas irão cair. Eu reverencio a aventura. Eu posso apenas orar a Deus para que Ele possa atingir algumas consciências, e que muitos que leiam este opúsculo possam dizer “O que eu posso fazer para ser salvo?”.

     (1) As minhas PRIMEIRAS PALAVRAS devem ser um alerta carinhoso. Estas palavras de alerta são curtas e simples. NÃO NEGLIGENCIE A SUA ALMA.

     Eu acho muito provável que este artigo caia nas mãos de alguns que frequentemente são tentados com ansiedade sobre as coisas desta vida, que são “cuidadosos e preocupados com muitas coisas”. Parecem viver em uma constante confusão de negócios, correria e problemas. Veem à sua volta milhares de pessoas que não se preocupam com nada além do que irão comer e beber, e com o que irão vestir. Frequentemente são tentados a pensar que é inútil tentar ter alguma vida espiritual. Eu porém digo-lhe, no nome de Deus, que resista à tentação. Ela vem do diabo. Digo-lhe para que nunca esqueça da única coisa que é necessária! Nunca se esqueça da sua alma imortal!

     Talvez me diga que vivemos tempos difíceis. Eles podem ser difíceis, mas é meu dever lembrá-lo que o tempo é curto e que este, em breve, será trocado pela eternidade. Talvez me diga que tem de viver, mas é meu dever lembrá-lo que também tem de morrer e estar pronto para se encontrar com o seu Deus. O que devemos pensar de um homem que em tempos de penúria alimentou o seu cão e matou o filho de fome? Não devemos dizer que ele foi um pai cruel e anormal? Bem, tome cuidado para que não faça algo parecido. Não se esqueça da sua alma na sua ansiedade pelo seu corpo. Na sua preocupação com a vida de agora, não se esqueça daquela que está por vir. Não negligencie a sua alma!

     Não importa o que possa ter sido no passado, eu imploro que viva o tempo que está por vir como alguém que sente que tem uma alma imortal! Guarde este opúsculo, com a ajuda de Deus, com uma determinação santa para “parar de fazer o mal e aprender a fazer o bem”. Não tenha vergonha, de agora em diante, de se importar com os interesses da sua alma. Não tenha vergonha de ler a sua Bíblia, de orar, de dedicar os seus dias ao Senhor, e de ouvir o Evangelho ser pregado. Do pecado e da impiedade pode-se envergonhar. Nunca precisará de se envergonhar por se importar com a sua alma. Deixe que os outros riam se quiserem: um dia eles não rirão de si. Seja paciente. Suporte isso em silêncio. Diga-lhes que se decidiu e que não planeia mudar. Diga-lhes que aprendeu uma coisa, se não outras, que é o facto de ter uma alma preciosa. E diga-lhes que decidiu que, venha o que vier, não mais irá negligenciar esta alma.

     (2) A minha SEGUNDA PALAVRA de atenção é UM CONVITE AMOROSO A TODOS OS QUE DESEJAM QUE AS SUAS ALMAS SEJAM SALVAS. Eu convido todos os leitores deste texto que sentem o valor da sua alma, e que desejam a salvação, a vir até Cristo sem demora, a fim de serem salvos. Eu convido-o a vir a Cristo pela fé e a render-Lhe a sua alma, a fim de que possa ser liberto da culpa, do poder e das consequências do pecado.

     A minha língua não é capaz de dizer, e a minha mente é fraca demais para explicar a completa extensão do amor de Deus pelos pecadores, e da vontade de Cristo de receber e salvar almas. Não fica em apuros em Cristo, mas em si mesmo. Erra muito se duvida da prontidão de Cristo em salvar. Eu sei que não há obstáculos entre a sua alma e a vida eterna, exceto a sua própria vontade. “Há alegria na presença dos anjos de Deus por um pecador que se arrepende” (Lucas 15.10). Já deve ter ouvido algo sobre as maravilhas dos coros em concertos no Palácio de Cristal. Mas o que é todo esse estouro de harmonia no coro “Aleluia” de Handel comparado com a explosão de alegria que é ouvida no Céu quando uma alma passa das trevas para a luz? O que é isso além de um mero sussurro, comparado com a “alegria dos anjos” por um pecador ensinado a ver a insanidade do pecado e a buscar a Cristo? Ah, venha e junte-se a essa alegria sem demora!

     Se ama a vida, eu peço-lhe que se segure em Cristo de uma vez, a fim de que a sua alma possa ser salva. Porque não faz isso já? Porque não se junta já ao Senhor Jesus Cristo numa aliança eterna que não pode ser quebrada? Porque não decide, antes da aurora de amanhã, voltar as costas ao serviço do pecado e voltar-se para Cristo? Porque não vai a Cristo hoje e lança a sua alma n’Ele, com todos os pecados dela e a sua descrença, com todas as suas dúvidas e medos? É pobre? Busque tesouros no Céu e seja rico. É velho? Corra, corra para estar pronto para o seu fim e prepare-se para se encontrar com Deus. É jovem? Comece bem e busque em Cristo um amigo infalível, que nunca o abandonará. Está em apuros, preocupado com esta vida? Busque Aquele que é o único que pode ajudá-lo e carregar o seu fardo: busque Aquele que nunca o desiludirá. Quando outros lhe viram as costas a si, então Cristo Jesus tomará o seu cuidado. É um pecador, um grande pecador, um pecador da pior espécie? Tudo isso nunca mais será lembrado se simplesmente vier a Cristo: o Seu sangue irá lavar todo o pecado. Embora os seus pecados sejam como escarlate, eles serão brancos como a neve.

     Vá, então, e clame ao Senhor Jesus Cristo. Pense no valor da sua alma e pense no único caminho para a salvação. Clame ao Senhor numa oração sincera. Faça como o ladrão arrependido fez: derrame o seu coração diante d’Ele: clame: “Senhor, lembra-te de mim, até mesmo de mim”. Diga-Lhe que veio até Ele pois ouviu que Ele “recebe pecadores” e porque é um pecador e deseja ser salvo. Conte-Lhe toda a história do seu passado. Diga-Lhe, se desejar, que tem sido um descrente, um libertino, um transgressor, um ímpio, inconsequente e um homem de mau comportamento. Ele não o rejeitará. Ele não o lançará fora. Não lhe virará as costas. Ele nunca quebra a cana rachada nem apaga o pavio fumegante. Nenhum homem jamais veio até Ele e foi lançado fora. Ah, venha a Cristo e a sua alma será libertada!

     (3) A minha ÚLTIMA PALAVRA de atenção será uma afetuosa exortação a cada leitor desse texto que descobriu o valor de sua alma e creu em Jesus Cristo. Esta exortação será curta e simples. EU ROGO-LHE QUE SE APEGUE AO SENHOR COM TODO O SEU CORAÇÃO E QUE PROSSIGA PARA O ALVO A FIM DE GANHAR O PRÉMIO DA CHAMADA CELESTIAL.

     Posso imaginar como descobrirá que o seu caminho é bastante estreito. Há poucos consigo e muitos contra si. O seu terreno na vida pode soar duro e sua posição pode ser difícil. Porém, ainda assim, agarre-se ao Senhor e Ele nunca o abandonará. Agarre-se ao Senhor no meio da perseguição. Agarre-se ao Senhor, ainda que homens riam e zombem, e o tentem envergonhar. Agarre-se ao Senhor, ainda que a cruz seja pesada e a luta, difícil. Ele não teve vergonha de si sobre a Cruz do Calvário; então não tenha vergonha d'Ele sobre a terra. Agarre-se ao Senhor e Ele nunca o abandonará. Neste mundo, há muitos desapontamentos: em propriedades, famílias, casas, terras e situações. Mas nenhum homem jamais ficou desiludido com Cristo. Nenhum homem jamais falhou e não pôde encontrar em Cristo tudo o que a Bíblia diz que Ele é, e mil vezes melhor do que jamais ouviu antes.

     Olhe adiante, olhe de cima e até o fim! As melhores coisas ainda estão por vir. O tempo é curto. O fim está se aproximando. Os últimos dias do planeta estão diante de nós. Lute o bom combate. Trabalhe. Esforce-se. Persista. Ore. Leia. Batalhe arduamente pela prosperidade da sua própria alma. Trabalhe duro pela prosperidade da alma de outros. Esforce-se para trazer mais alguns consigo para o paraíso, e faça de tudo para salvar alguns. Faça algo, com a ajuda de Deus, para tornar o Céu mais cheio e para deixar o Inferno mais vazio. Fale àquele jovem ao seu lado e àquela idosa que vive perto de sua casa. Fale àquele vizinho que nunca vai a um lugar de culto. Fale àquele parente que nunca lê a Bíblia a sós e que zomba de uma religião séria. Peça-lhes que pensem nas suas almas. Implore a todos eles que vão e ouçam algo aos domingos, que será para seu próprio bem para a vida eterna. Tente persuadi-los a viver, não como animais que perecem, mas como homens que desejam ser salvos. Grande é a sua recompensa no Céu se tentar fazer o bem às almas. Grande é a recompensa de todos que confessarem a Cristo diante dos filhos dos homens. As honras deste mundo logo se acabarão para sempre. As recompensas que a nossa graciosa Rainha concede são apenas apreciadas por alguns curtos anos. A “Cruz Vitória” não mais será usada por aqueles bravos soldados que a ganharam tão corajosamente e que a mereceram tanto. O lugar que hoje os conhece em breve não mais os conhecerá: mais alguns anos e eles estarão reunidos com os seus pais. No entanto, a coroa que Cristo concede nunca desaparece. Busque esta coroa, meu caro leitor. Batalhe por esta coroa. Ela irá corrigir tudo aquilo por que tem de passar neste mundo turbulento. As recompensas dos soldados de Cristo são para sempre. O Seu lar é eterno. A Sua glória nunca terá fim.

- J. C. Ryle

John Charles Ryle — Sermão pregado em Liverpool e publicado como capitulo no livro “Os Velhos Caminhos”, com o nome original de “Nossas Almas!”. Fonte: Evangelical Tracts, Projeto Castelo Forte, Divulgando o Evangelho do SENHOR.
 

Como Não Perder Sua Alma (I)
Como Não Perder Sua Alma (II)
Como Não Perder Sua Alma (III)
Como Não Perder Sua Alma (IV)

Como Não Perder Sua Alma (V)

 

 

 

 

Sermões e Estudos

Fernando Quental
A diferença Divina

Tema abordado por Fernando Quental em 24 de janeiro de 2021

Carlos Oliveira
Uma mensagem imoral - Parte II

Tema abordado por Carlos Oliveira em 22 de janeiro de 2021

Alberto Veríssimo
Escolhas e Decisões

Tema abordado por Alberto Veríssimo em 17 de janeiro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 3:17 em 20 de janeiro de 2021

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário