Como pode Jesus ter sido Jeová?

Mario Persona     Sua dúvida é como poderia o Jesus do Novo Testamento, que descreve como amoroso, bondoso, longânimo, humilde, poderoso em obras, ter sido o Jeová do Antigo Testamento, o Deus severo que mata, guerreira e destrói cidades. Esta dúvida aflige muitos leitores sinceros da Bíblia, mas a resposta é que pode e é. O Jesus amoroso dos Evangelhos é o mesmo Jeová poderoso do Antigo Testamento. E Jesus é também o guerreiro glorioso que encontra no Apocalipse montado em um cavalo branco e de cuja boca sai "uma espada afiada para com ela ferir as nações; ele as regerá com uma vara de ferro, e Ele é o que pisa o lagar do vinho do furor da ira do Deus Todo-poderoso".

Ler mais: Como pode Jesus ter sido Jeová?

A hipocrisia do incrédulo

Justin Johnson     Sempre que o pecado de um Cristão é exposto há incrédulos raivosos que o acusam de hipocrisia.

     Afinal de contas, eles veem o Cristianismo como uma afronta à imoralidade, ao pecado, e a todas as más ações. Quando eles descobrem um Cristão no lado errado da cerca moral, eles deleitam-se com o amontoado de hipocrisia daqueles que se erguem contra o pecado enquanto participam do mesmo.

     Os incrédulos usam esta aparente montanha de hipocrisia como desculpa para não investigarem a verdade da Bíblia, para não irem à igreja, ou para não crerem em algo que saia da boca de qualquer pregador.

     O que se perde neste grande protesto contra o pecado exposto do Cristão é a hipocrisia descarada do incrédulo.

Ler mais: A hipocrisia do incrédulo

Disciplina Bíblica na Igreja - Princípios (II)

A rebeldia é passível de disciplina


     A rebelião na igreja é claramente passível de disciplina; basta lembrar que o primeiro ato de rebelião universal foi protagonizado por Satanás.

     A disciplina na igreja é um exercício de amor e graça, libertando o pecador da escravidão do pecado.

     Chegamos 1 Coríntios que trata da questão, disciplina na igreja (1 Co 5.)

     Contexto: Tendo tratado de problemas mais “filosóficos” de divisão na igreja, nos cps. 5 e 6 Paulo fala aqui  sobre problemas bem mais específicos, dificuldades e desgraças na família de Deus.

Ler mais: Disciplina Bíblica na Igreja - Princípios (II)

Disciplina Bíblica na Igreja - Princípios (I)

A rebeldia é passível de disciplina

     Uma das doenças mais temidas na história da humanidade chama-se lepra, ou, hoje, Hanseniese. Em 1979 tive a oportunidade de pregar numa colónia de pessoas leprosas em África. Defrontei as consequências trágicas de uma doença que desfigura o corpo humano. Descobri que, além dos danos provocados na pele pela bactéria em si, pior ainda são os resultados da insensibilidade nervosa. Por outras palavras, a doença provoca umainsensibilidade que faz com que a pessoa se danifique e não sinta nada. O texto que vamos estudar adverte contra uma doença que chamo de “Lepra espiritual”. É uma insensibilidade ao pecado, uma tolerância do pecado, tanto na família como na igreja. Trata-se de pecado não-disciplinado. Quando não disciplinamos os nossos filhos, nós os condenamos à insensibilidade ao pecado. Quando não disciplinamos os membros da família de Deus, na igreja, os condenamos à doença contagiosa de lepra espiritual.

Ler mais: Disciplina Bíblica na Igreja - Princípios (I)

Disciplina Bíblica na Igreja - Princípios (III)

A rebeldia é passível de disciplina


     Vamos descobrir 5 princípios de disciplina para a família de Deus na igreja local. Vamos descobrir que Disciplina bíblica é uma questão famíliar que visa restaurar a reputação de Jesus e o pecador ao Senhor.

     I. Disciplina Bíblica Envolve Denúncia Pública e Apropriada do Pecado (5.1-4)

     “Geralmente se ouve” -- a palavra traz a ideia de “chegou a este ponto”; “de facto”; “acredite eu ou não!” Deixa claro que o pecado tinha sido ventilado abertamente na comunidade. O testemunho da igreja estava em jogo, e com ele, o nome e a reputação de Jesus Cristo.

     As más notícias espalham-se!

Ler mais: Disciplina Bíblica na Igreja - Princípios (III)

Sermões e Estudos

Carlos Oliveira 15OUT21
O maior filantropo

Tema abordado por Carlos Oliveira em 15 de outubro de 2021

Dario Botas 10OUT21
Qual a tua motivação? (Parte III)

Tema abordado por Dário Botas em 10 de outubro de 2021

Carlos Oliveira 08OUT21
A violência

Tema abordado por Carlos Oliveira em 08 de outubro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 4:3,4 em 13 de outubro de 2021

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário