A secularização da Igreja

Albert Mohler

     A secularização é o processo pelo qual uma sociedade se torna cada vez mais distante das suas raízes Cristãs. Embora a teoria sociológica formal seja mais complicada que isso, a essência da secularização é o facto de que essa cultura já não depende de símbolos, da moral, de princípios ou práticas Cristãs. Enquanto que a maior parte do mundo é decididamente não secular, uma grande parte da Europa é permissivamente secular – incluindo a Grã-Bretanha.

Ler mais: A secularização da Igreja

A perseverança dos santos

martin_lloyd_jones.jpg     A questão final com que nos defrontamos é: o que é que impede este ou aquele Cristão de cair e perder-se? Se não for o que temos dito aqui, isto é, que somos “chamados segundo o Seu propósito” e que, porque é Seu propósito, Ele próprio nos impede de cair, bem, então, que será que nos guarda e nos impede de cair? Consideremos a situação daqueles que acreditam ser possível um Cristão regenerado, nascido de novo, ir definitivamente para a perdição, cair e perder a posição de estar “em Cristo”.

     O que tais pessoas acreditam é que há dois tipos de Cristãos: um deles se manterá seguro à verdade e à fé, e finalmente chegará à glória; o outro não consegue manter-se seguro, por um motivo ou outro, cai, e vai para a perdição. Elas explicam a diferença entre estes dois Cristãos asseverando que um teve vontade e desejo de manter-se seguro, e que o outro não teve essa vontade e esse desejo. A diferença é determinada inteiramente pela vontade, pelo desejo e pela determinação pessoal do Cristão particular. Sobre esse pressuposto, esta é a única conclusão a que se pode chegar.

Ler mais: A perseverança dos santos

Bandeiras a ostentar

C. R. Stam
 
 
     Se há uma coisa que Deus gostaria que o Seu povo fizesse no meio da apostasia que se tem levantado nos nossos dias é que revele as suas cores. Quando o inimigo surge como um dilúvio, até os Cristãos, que creem na Bíblia, são propensos a esconder uma bandeira que deveriam desfraldar e ousadamente ostentar. Essa bandeira é Cristo. Quantos crentes temem falar d’Ele devido ao Seu nome estar cada vez mais a ser desprezado!

     Mas, como em qualquer guerra de qualquer tamanho, em que muitas e variadas bandeiras são levadas para a batalha, o mesmo acontece no conflito Cristão, pois a Bíblia, a vida piedosa, camaradas fiéis, etc., são tudo bandeiras que devemos erguer, estandartes que devemos ostentar.
 

Ler mais: Bandeiras a ostentar

Sermões e Estudos

David Gomes 26SET21
Como lidar com portas fechadas

Tema abordado por David Gomes em 26 de setembro de 2021

Carlos Oliveira 24SET21
As religiões são todas boas?

Tema abordado por Carlos Oliveira em 24 de setembro de 2021

Alberto Verissimo 19SET21
Crer ou Crer, eis a questão

Tema abordado por Alberto Veríssimo em 19 de setembro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 4:3 em 22 de setembro de 2021

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário