Seres inteligentes no Espaço (I)

Cornelius R. Stam

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Uma introdução ao estudo dos Anjos

     Assistimos frequentemente a discussões, em revistas, televisões ou outros meios de comunicação em que se debate se existirão seres inteligentes no espaço exterior, e se existirem, se se interessarão em nós, “terráqueos”.

     Mas é claro que existem seres inteligentes no espaço.

     A carta aos Efésios fala várias vezes nos “principados e potestades nos céus” (3:10, cf. 1:20,21; 2:2, 6:12) e em muitas ocasiões ao longo das Escrituras vemos contactos destes seres connosco.

     Por vezes na Bíblia e normalmente nas nossas conversas estes seres são chamados de anjos (que literalmente significa “mensageiros”), mas mesmo entre crentes sinceros existe bastante confusão acerca deles.

     Este escritor tem uma cunhada que, há alguns anos era bastante requisitada como solista soprano; e também um irmão que tinha a sua parte de travessura. O nome dela era Margaret, o dele era Henry.

     Certa noite Margaret estava num concerto a cantar o então popular hino “Santo, Santo, cantam os anjos”. Certo verso deste hino começa com as palavras “apesar de eu não ser um anjo”, e enquanto ela cantava isto, Henry, sentado na primeira fila sorriu com ar de travesso e acenou que sim!

     A conclusão a que se quer chegar é que a grande maioria das pessoas assumem que todos os anjos são bons. Mulheres que são amáveis e simpáticas são frequentemente chamadas de anjos. Algumas pessoas religiosas até creem que quando as crianças morrem vão para o céu e tornam-se anjos. A verdade, porém, é que há muitos anjos maus – talvez em maior quantidade do que os bons.


A divisão básica

     O mundo invisível acima e à nossa volta é em muitas formas, semelhante ao mundo dos homens.

     Enquanto a humanidade se divide em duas categorias, os salvos e os não-salvos, também as hostes angélicas se dividem em duas categorias: os bons e os maus.

     Num capítulo de Mateus (Cap. 25) ambas as categorias são referidas. No vers. 31, lemos que “quando o Filho do homem vier em sua glória, e todos OS SANTOS ANJOS com ele”, enquanto no vers. 41 lemos que “o fogo eterno” está “preparado para O DIABO E SEUS ANJOS”.

     Isso explica porque por um lado as Escrituras nos mostram anjos com atitudes amigáveis para com os homens, e por outro anjos chamados “hostes espirituais da maldade nos lugares celestiais” contra os quais somos instados a lutar (Ef 6:12).

- Cornelius R. Stam
(Continua) 

Seres inteligentes no Espaço (I)
Seres inteligentes no Espaço (II)
Seres inteligentes no Espaço (III)
Seres inteligentes no Espaço (IV)
Seres inteligentes no Espaço (V)
Seres inteligentes no Espaço (VI)

Sermões e Estudos

Fernando Quental
O bom entendimento

Sermão proferido por Fernando Quental em 23 de fevereiro de 2020

Dário Botas
O orgulho do homem

Sermão proferido por Dário Botas em 16 de fevereiro de 2020

Bruno Santos
Profeta Elias

Sermão proferido por Bruno Santos em 09 de fevereiro de 2020

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 3:3 em 19 de fevereiro de 2019

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário