Cristo sofreu no inferno?

Kevin 1 1024x576

 

     A resposta simples a esta pergunta é não.

     O ensino erróneo é o seguinte: depois da Sua crucificação, o corpo do Senhor foi colocado num túmulo, e o Seu espírito foi para o inferno. Ali Ele sofreu todo o tormento do inferno que teríamos de sofrer. Mas Satanás, a morte e o inferno não puderam segurá-Lo. Atos 2:24-27 é usado para apoiar esta posição: “Ao qual Deus ressuscitou, soltas as ânsias da morte, pois não era possível que fosse retido por ela; porque dele disse Davi: Sempre via diante de mim o Senhor, porque está à minha direita, para que eu não seja comovido; por isso se alegrou o meu coração, e a minha língua exultou; e ainda a minha carne há de repousar em esperança. Pois não deixarás a minha alma no Hades, nem permitirás que o teu Santo veja a corrupção”.

      É ensinado que, porque Cristo não era merecedor de punição, o Senhor foi ressuscitado do inferno e da sepultura pelo poder de Deus. Alguns vão mesmo tão longe que dizem que para se ser salvo tem de se crer que Cristo sofreu no inferno .

     Esta é uma doutrina perigosa. Na verdade, é um ataque contra a cruz de Cristo. A palavra “inferno” em Atos 2:27 é traduzida da palavra grega hades.

     O hades está no centro da terra. Na época da morte de Cristo, tinha dois compartimentos: o seio de Abraão e o lugar de tormento. Nós vemos isso no relato do homem rico e Lázaro em Lucas 16:19-31. Depois que ambos morreram, vemos Lázaro no paraíso, no seio de Abraão (v. 22) e o homem rico "no inferno [hades] ... em
tormentos ”(v. 23).

     Cristo enfrentou plenamente o juízo de Deus contra os nossos pecados na Sua cruz durante as três horas de escuridão em toda a terra (Lucas 23:44). Quando o fez, Cristo experimentou as realidades do inferno na cruz: separação do Pai, trevas, tormento, sede e o fogo da ira de Deus contra o pecado. Ele foi o nosso bendito substituto na cruz; Ele cumpriu a pena do pecado por nós e suportou a ira de Deus em nosso lugar. Quando Cristo exclamou: "Está consumado" (João 19:30), Ele quis dizer que o pagamento pelo pecado foi completo e pago na íntegra. Dizer que Cristo também precisava de sofrer a penalidade do pecado no inferno durante três dias e três noites é ensinar o contrário.

     Durante três dias e três noites o nosso Senhor esteve no centro da terra (Mt. 12:40). Nós sabemos para onde a Sua alma foi depois que Ele morreu, porque Ele disse ao malfeuitor crente na cruz ao Seu lado: “Em verdade te digo que hoje estarás Comigo no Paraíso ”(Lucas 23:43). Ele não foi para o inferno quando morreu. Ele
não sofreu em tormento no hades. O Seu espírito desceu à seção do paraíso, no hades, onde o espírito do malfeitor arrependido também estava. Três dias depois, Ele ressuscitou dos mortos, triunfante sobre o pecado e a morte!

— Kevin Sadler

Sermões e Estudos

Fernando Quental 11NOV18 1
Todo?!

Sermão proferido por Fernando Quental em 11 de novembrode 2018

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 2:7 em 14 de novembro de 2018

David Gomes 04NOV18
As coisas que não são

Sermão proferido por David Gomes em 04 de novembrode 2018

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 2:6 em 07 de novembro de 2018

ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    356 2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário