Isto é mansidão!

william_macdonald.jpg  “O fruto do Espírito é … mansidão …” (Gál. 5:22).
 

     Quando pensamos em mansidão, somos propensos a pensar em Caspar Milquetoast, o personagem da história aos quadradinhos, que era a personificação da timidez e da fraqueza. Mas este fruto do Espírito é algo muito diferente. Advém de poder sobrenatural, não de fraqueza.

     Refere-se em primeiro lugar à submissão amorosa de um crente a todos os tratos de Deus na sua vida. O homem manso dobra-se à vontade de Deus, sem revolta, questionamento ou reclamação. Ele reconhece que "Deus é demasiado sábio para errar e demasiado afectuoso para ser cruel." Percebendo que não há nenhum acaso ou acidente, ele crê que Deus faz funcionar tudo para o bem da sua vida.

     A mansidão também inclui o relacionamento do crente com os outros. Aqui ele é modesto, não auto-confiante e humilde, não arrogante. O homem manso é aquele que pratica o quebrantamento. Quando ele diz ou faz algo errado, ele vence o orgulho, dizendo: "Desculpe. Por favor, perdoe-me! "Ele prefere perder a face, do que o respeito próprio. Quando ele sofre por fazer o que está certo, ele resiste com paciência, sem qualquer pensamento de retaliação. Quando ele é falsamente acusado, ele abstém-se de se defender. Como diz Trench, o homem humilde aceita as injúrias e insultos dos outros, como sendo permitidas por Deus para sua correcção e purificação.

     Alguém definiu um homem manso como "aquele que aceita a vontade de Deus, sem ressentimento, que se pode dar ao luxo de ser gentil e brando por causa da força interior, e que está sob o perfeito controlo de Deus." Quando um crente disse ao Dr. Alexander Whyte que um ministro, seu companheiro, estava a ser castigado como incrédulo, o Dr. Whyte ardeu de indignação. Quando o crente acrescentou que o crítico afirmara que o próprio Dr. Whyte não era um verdadeiro crente, ele disse: "Por favor, retire-se para que eu possa ficar sozinho e examine o meu coração perante o Senhor." ISTO é mansidão.

     Somos todos chamados a tomar o jugo d’Aquele, que é "manso e humilde de coração." Ao fazermos isso, encontramos descanso para as nossas almas.    

 
William MacDonald
One Day at a Time

 

Sermões e Estudos

Carlos Oliveira 15OUT21
O maior filantropo

Tema abordado por Carlos Oliveira em 15 de outubro de 2021

Dario Botas 10OUT21
Qual a tua motivação? (Parte III)

Tema abordado por Dário Botas em 10 de outubro de 2021

Carlos Oliveira 08OUT21
A violência

Tema abordado por Carlos Oliveira em 08 de outubro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 4:3,4 em 13 de outubro de 2021

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário