Criticar Criando

Incentiva e faz; não critiques

 

 

     Quando Deus chamou Moisés para livrar os antigos Israelitas da escravidão do Egipto, “... respondeu Moisés, e disse: Mas eis que me não crerão, nem ouvirão a minha voz, porque dirão: O Senhor não te apareceu. E o Senhor disse-lhe: Que é isso na tua mão? E ele disse: Uma vara. E ele disse: Lança-a na terra. Ele a lançou na terra, e tornou-se em cobra; e Moisés fugia dela” (Êxo- 4:1,2). Isto foi para confirmar a Moisés que Deus era o operador dos milagres e Moisés simplesmente Seu agente.
 
     Certa ocasião, creio que foi ao evangelista Dwight Moody que uma mulher disse, “Sr. Moody, não gosto do modo como faz o seu evangelismo.”
 

     Moody respondeu, "Eu também não gosto do modo como o faço. Como é que o faz?"

     A senhora respondeu, “Eu não evangelizo.”

     ”Bem acho que o modo como estou a evangelizar seja melhor do que o modo como a senhora não evangeliza,” respondeu Moody.

      A resposta de Moody pode ter sido algo contundente mas ele disse algo muito importante.

     Quando era jovem fui convidado a planear uma sessão para o grupo de jovens universitários na igreja onde estava na altura. Eles pediram a minha opinião sobre o que eu achava que não estava a funcionar e como é que o programa podia ser melhorado. Eu disse, “Acho que não tenho o direito de criticar se não quero fazer algo sobre isso”. O que acha que sucedeu? Fui constituído o novo director de programa!

     É muito fácil para todos nós (incluindo eu) sentarmo-nos e criticarmos o nosso grupo, igreja, políticos, líderes, etc., etc., e nada fazermos sobre isso.

     Michelangelo ["Miguel Ângelo"] (1475 – 1564) teve uma grande resposta. Ele disse, “Criticar criando.” Na verdade, a maior parte de nós nunca será um Miguel Ângelo e nenhum de nós pode fazer tudo – mas todos nós podemos fazer algo mesmo que  pequeno para ajudar o mundo em que vivemos a tornar-se um melhor lugar para se viver.

     E nenhum de nós será alguma vez chamado a fazer o que Deus chamou Moisés a fazer. Mas em essência Deus diz a cada um de nós: “Que é isso na tua mão?” Ou seja, “Que capacidade tens?” O que quer que seja, Deus quer e espera que usemos isso para O servir – e nós servimo-lO, servindo os outros.

     Oração sugerida: “Querido Deus, obrigado pelos dons e capacidades que me deste. Ajuda-me a saber quais são e a descobrir forma de os usar em serviço de amor a Ti e aos outros. Obrigado por ouvires e responderes à minha oração. Obrigado, no nome do Senhor Jesus Cristo. Amém.”
Cross Map Daily QT
Richard Innes 

Sermões e Estudos

Carlos M. Oliveira
A tragédia dos incêndios

Tema abordado por Carlos Oliveira em 07 de agosto de 2020

David Gomes
Zaqueu - sua estatura improvável

Tema abordado por David Gomes em 02 de agosto de 2020

Carlos Oliveira
A Ressurreição

Tema abordado por Carlos Oliveira em 31 de julho de 2020

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 3:11 em 05 de agosto de 2020

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário