Quem dizes que Eu sou?

Catequese 2. - ppt carregar 

 

      “E saiu Jesus e os Seus discípulos para as aldeias de Cesareia de Filipe; e, no caminho, perguntou aos Seus discípulos, dizendo: Quem dizem os homens que Eu sou? E eles responderam: João Batista; e outros, Elias; mas outros, Um dos profetas. E Ele lhes disse: Mas vós, quem dizeis que Eu sou? E, respondendo Pedro, lhe disse: Tu és o Cristo.” – Marcos 8:27-29

      No seu livro The Knowledge of the Holy (O Conhecimento do Santo), A.W. Tozer fez este comentário perspicaz: “O que vem à nossa mente quando pensamos em Deus é o mais importante sobre nós”. Em essência, ele quis dizer o seguinte: O que tu e eu pensamos sobre quem Deus é, influencia diretamente como vivemos e interagimos com o nosso Criador..

     Se virmos Deus como uma espécie de juiz, supervisionando um tipo de procedimento num processo judicial cósmico, distribuindo “justiça” como as pessoas merecem, muitas vezes viveremos com medo, tentando esconder as nossas fraquezas e falhas. Viveremos esperando e orando para que o “Juiz” não veja quem realmente somos, ou enfrentaremos a Sua ira.

     Se virmos Deus como um eterno caixa eletrónico de bênçãos, onde tudo o que precisamos saber é o número PIN correto para “conseguir o que vem para nós”, então abordaremos a nossa “vida espiritual” como uma maneira de “agir corretamente” para que Deus abra a Sua conta de bênçãos e as derrame sobre nós.

     Às vezes vemos Deus como uma espécie de avô benevolente, cujo trabalho é dar-nos o que queremos, quando queremos. E quando as coisas não saem como queremos, culpamos a Deus, o nosso Avô celestial, que não cumpriu com a descrição do que é suposto fazer.

     O Senhor Jesus Cristo sabe tudo isso. É por isso que Ele entra na discussão com os Seus discípulos. Primeiro, ele faz uma pergunta mais ampla: “Quem dizem os homens que Eu sou?” Mas não é este realmente o seu ponto. Como Mestre dos mestres que é, o Senhor Jesus Cristo procura algo muito maior do que a opinião popular de quem Ele é. “Mas vós, quem dizeis que Eu sou?”

     E é esta a questão mais central da vida, não é?

     Quem achas tu ser o Senhor Jesus Cristo?

     Ora, antes de responderes a essa pergunta, considera o seguinte: como vais responder a essa pergunta pode mudar a maneira como vives a tua vida. Se o Senhor Jesus Cristo realmente é quem nós, como Seus seguidores, dizemos que Ele é, isso pode mudar tudo. Por outras palavras, se conseguires seguir em frente com a tua vida, talvez precises de revisitar quem realmente achas que o Senhor Jesus Cristo é.

     Se o Senhor Jesus Cristo é Deus, se Ele é realmente Deus encarnado - então as coisas que Ele nos ensina, bem como o tipo de vida que Ele viveu, devem ser imitados. Se realmente nos chamamos seguidores do Senhor Jesus Cristo, então o nosso trabalho é... realmente segui-Lo bem, orientando as nossas vidas em torno da maneira como Ele viveu e o que Ele ensinou.

     Quem dizes tu que Jesus é? O que diz a maneira como vives sobre o que realmente acreditas ser a resposta?

     A maneira como responderes a esta pergunta pode mudar tudo.

 

APROFUNDANDO:

Reserva alguns minutos para refletir sobre a pergunta: “quem dizeis que Eu sou?”

Como a tua vida precisa de mudar para se alinhar com o que poderá ser a tua resposta?

LEITURA ADICIONAL:

Mateus 16:13-20; Lucas 6:46

¹A. W. Tozer, O Conhecimento do Santo. San Francisco: HarperSanFrancisco, 1961. p. 1.

Por Mike DeVries

Sermões e Estudos

Armando Santos 26JUN22
Noites longas

Tema abordado por Armando Santos em 26 de junho de 2022

Carlos Oliveira 24JUN22
O que é a verdade?

Tema abordado por Carlos Oliveira em 24 de junho de 2022

Dario Botas 19JUN22
Esperança terrena vs celestial (Tessal.)

Tema abordado por Dário Botas em 19 de junho de 2022

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 4:12 em 29 de junho de 2022

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário