Viciado em coisas

garage sale

 

     E disse: Farei isto: derribarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e ali recolherei todas as minhas novidades e os meus bens. –Lucas 12:18

     Há alguns anos, a minha esposa e eu mudámo-nos para um outro estado. Foi uma GRANDE tarefa. Não sei se passaste por esse tipo de transição na tua vida nos últimos anos, mas se já passaste, sabes exatamente do que estou a falar. Na verdade, apenas mencionar a palavra "MUDANÇA" causa terror no coração da maioria das pessoas. A mudança é stressante ... mas é mais do que isso! Também é muito reveladora.

     Quando a empresa de mudanças empacotou as nossas “coisas” no camião de mudanças, fiquei ao lado da equipa de trabalhadores que trabalhava naquele dia. Eu observava todas as caixas, móveis e utensílios domésticos que estavam a ser cuidadosamente colocados na carroçaria para a viagem de 1.600 quilómetros. Hora a hora foi passando enquanto eu esperava que eles terminassem. Na minha angústia, decidi dar um passeio.

     Quando comecei, notei um homem com uma carrinha velha dirigindo-se para a grande lixeira que ficava na rua da nossa casa. Eu já o tinha visto antes. O homem aparecia semanalmente no nosso bairro. Ele estacionava a sua carrinha ao lado de cada contentor do complexo e vasculhava cuidadosamente o lixo para encontrar qualquer coisa que pudesse ser reciclada em troca de dinheiro. Ele fazia isso há anos. Assistir àquilo foi um choque para o meu sistema. Enquanto pensava neste homem e na sua velha carrinha cheia de latas, jornais e garrafas, eu comparei-o ao meu ENORME camião de mudanças cheio de “coisas”.

     O processo da mudança ajudou-me a perceber que sou viciado em “coisas”. Sou um consumidor que precisa de começar a olhar cuidadosamente para os meus bens à luz das realidades do mundo, da Igreja e do Reino de Deus. Vivemos numa cultura de consumismo. Consumimos mercadorias, infindáveis ​​chávenas de café, cultos de adoração, sermões, estudos bíblicos, programas religiosos, comida ... a lista é interminável.

     Estou convencido de que é hora de aliviar a minha carga, de me tornar mais doador e menos consumidor. Eu desafio-te a juntares-te a mim. Vamo-nos concentrar em dar mais, amar mais, estender a mão e ver como o Reino de Deus pode tocar a vida das pessoas através de nós.

O Senhor Jesus Cristo chama-nos a sermos doadores em vez de consumidores. Lembra-te, Ele disse: “de graça recebestes, de graça dai” (Mateus 10:8).

 

APROFUNDANDO:

1. Quantas “coisas” tu tens na tua vida?

2. Como é que Deus está a falar contigo sobre o teu hábito de consumismo? Como podes mudar o teu foco na dádiva em vez de no consumo?

 

LEITURA ADICIONAL:

Lucas 12:13-34; Lucas 14:7-11; Lucas 16:19-31

Por Robin Dugall

Sermões e Estudos

David Gomes 26SET21
Como lidar com portas fechadas

Tema abordado por David Gomes em 26 de setembro de 2021

Carlos Oliveira 24SET21
As religiões são todas boas?

Tema abordado por Carlos Oliveira em 24 de setembro de 2021

Alberto Verissimo 19SET21
Crer ou Crer, eis a questão

Tema abordado por Alberto Veríssimo em 19 de setembro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 4:3 em 22 de setembro de 2021

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário