• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Horacio Mendoza 24OUT21
Sermos um exemplo

Tema abordado por Horacio Mendoza em 24 de outubro de 2021

Carlos Oliveira 22OUT21
És mesmo Cristão? Faz o teste

Tema abordado por Carlos Oliveira em 22 de outubro de 2021

Carlos Oliveira
O melhor está para vir - ANA - (4)

Tema abordado por Carlos Oliveira em 17 de outubro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 4:3,4 em 20 de outubro de 2021

 
ver mais
 

03-09-2021 - Professor da Oxford diz que cientistas Cristãos estão entre os mais de 65% de vencedores do prémio Nobel de Ciência

 

John Lennox é professor da Universidade de Oxford e apologista cristão. (Foto: Reprodução)

     John Lennox é mais do que filósofo e professor de matemática da Universidade de Oxford: ele é conhecido por ser um apologista cristão que não tem medo dos argumentos científicos.

     Ele acredita que não é possível defender os princípios de Deus na atual sociedade sem que as pessoas façam perguntas, sejam críticas e interpretem mal. “E por isso fica-se aberto a muito calor. E o velho ditado é verdadeiro: se não se aguenta o calor, fica-se longe da cozinha”, disse Lennox à Eternity News.

     Lennox é autor de vários livros de apologética que defendem o encontro entre ciência e fé, incluindo “A Ciência Pode Explicar Tudo?”, “Por que a Ciência não Consegue Enterrar Deus” e “Deus e Stephen Hawking De Quem é o Projeto Afinal?”

     Ele também é amplamente conhecido pelos seus debates com ateus proeminentes como Richard Dawkins, Peter Singer e Christopher Hitchens. Mas antes destes debates públicos, Lennox diz que se abriu a críticas e questionamentos feitos por pessoas em particular.

     “Foi assim que aprendi. É daí que vêm as minhas convicções. Elas não vêm de um espaço privado no qual eu me escondo, longe do mundo e longe das críticas, como uma pequena crença religiosa particular — nem um pouco! Acredito firmemente que o Cristianismo, nesse sentido, é um sistema de crença pública que precisa de ser articulado”, defende.

     Os seus pais tiveram um papel importante na sua formação espiritual. Lennox diz que embora eles sejam “profundamente comprometidos com o Cristianismo”, sempre o incentivaram a explorar outras cosmovisões e examinar as evidências do próprio Cristianismo. Isso não apenas fortaleceu suas próprias convicções sobre o Evangelho, mas permitiu a Lennox articular a defesa da sua fé desde jovem.

     “Tenho feito isso desde que era adolescente e na Universidade de Cambridge e assim por diante. Nunca escondi a minha luz debaixo de uma vasilha”, afirma.

 

Defesa da fé

     Ser um apologista num mundo descrente tornou-se numa missão para Lennox. “Sinto uma chamada explícita — baseada no mandamento de Cristo para ser Seu embaixador — de que isso é algo que não guardo para o meu espaço privado. Sou chamado a explicar e a anunciar isso, para testemunhar Deus num mundo onde há um certo antagonismo.”

 

Kevin Sorbo e John Lennox da Universidade de Oxford em 'Against the Tide'. (Foto: Crossroad)


Kevin Sorbo e John Lennox da Universidade de Oxford em 'Against the Tide'. (Foto: Crossroad)

 

     Para ajudar os Cristãos a fazer o mesmo — defender o Cristianismo contra as questões levantadas pela ciência moderna — Lennox produziu um filme chamado “Contra a Maré - Encontrando Deus na Ciência” (“Against the Tide - Finding God in a Science”). O filme estará disponível em DVD e nas plataformas de streaming, mas ainda não tem previsão de lançamento.

     O filme é uma conversa em estilo documentário entre Lennox e Kevin Sorbo, na foto acima com ele, o ator conhecido pelo filme “Deus Não Está Morto”. “Esperamos muito que isso informe os Cristãos e lhes dê uma introdução aos argumentos que podem usar, sejam eles cientistas ou não”, explica.

 

Deus é a resposta

     Lennox não é o único académico a acreditar que Deus e a ciência se encaixam: há um número surpreendente de cientistas afamados que são Cristãos, que estão entre os mais de 65% de vencedores do Prémio Nobel de ciência.

     Mas porque é que a prevalência de Cristãos na ciência não é conhecida? Lennox acredita que é porque os ateus fizeram um excelente trabalho de relações públicas e os média deram-lhes esse espaço. 

     “Se Cristãos articulados tivessem o mesmo tipo de espaço nos média, seria muito diferente. Não é um campo de jogo nivelado, porque o espírito deste século é antagónico ao Cristianismo. As pessoas não ouviram uma discussão informada sobre isso. Elas não foram autorizadas a ouvir”, avalia.

     Esse vão torna-se ainda maior quando a igreja se esquiva a perguntas difíceis. “Na Inglaterra, houve uma pesquisa feita há alguns anos, mas acho que é ainda mais válida hoje, onde perguntavam às pessoas: ‘Por que saiu da igreja?’ E elas diziam: ‘Porque eles não respondem às nossas perguntas’. Esse foi o motivo número um”, observa.

     “Portanto, as igrejas precisam mudar de marcha e fazer com que os ministros respondam a perguntas, em vez de pregar sermões indefensáveis em cima de um púlpito de um metro e oitenta”, acrescenta.

     É isso o que Lennox pretende ensinar às igrejas: “O meu objetivo na vida e em toda as minhas atividades é fortalecer os Cristãos e mostrar que eles têm no cristianismo algo que é defensável, explicável e poderoso para comunicar ao mundo, mas também mostrar exatamente a mesma coisa aos meus amigos não Cristãos”.

 

- in Eternity News

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

_________________________________________

NOTA de esclarecimento importante:

Esta secção de notícias é exatamente isso, e tão somente isso: notícias, visando informar o povo de Deus do que vai acontecendo no mundo. Não significa que subscrevamos princípios, práticas e costumes associados às mesmas. O resto do portal esclarece bem e com rigor o que realmente cremos à luz das Escrituras bem manejadas.

 

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário