Devo concordar divorciar-me do meu marido?

Billy Graham
 

 Apesar de Billy Graham já ter sido promovido à glória (07NOV1918-21FEV2018), continuaremos a publicar as suas Perguntas/Respostas - novas e em arquivo.

 

Pergunta:  O meu marido, com quem estou casada há 30 anos, pediu o divórcio agora que os nossos filhos estão crescidos e saíram de casa. Parece que não temos muito mais em comum e acho que ele está pronto para uma nova vida. Será que lhe mostro que o amo mais concordando com isso ou devo orar para que ele mude de ideia? - D.V.

Resposta: Hoje os votos de casamento mudaram drasticamente, mas para aqueles que se casaram há muito tempo, a maioria dos casais fez o voto "até que a morte nos separe"; não "até que o divórcio nos separe".

     Tragicamente, os casamentos estão a desmoronar-se a um ritmo sem precedentes, e poucos sequer pensam na promessa que fizeram diante de Deus quando assinam os documentos finais declarando o casamento morto.

     O amor foi redefinido por Hollywood e por todos os outros meios de entretenimento como forma de satisfazer os desejos e sentimentos físicos. Mas a Bíblia define o amor como deve ser - bonito e leal. Leia 1 Coríntios 13, conhecido como o grande capítulo do amor e aprenda como é agradável amar como Cristo manda.

     Os jardins não crescem por si mesmos; precisam de ser cuidados, cultivados e mondados. O mesmo acontece com o casamento. Um bom casamento geralmente consiste de dois bons perdoadores, e isso faz parte do cultivo de um relacionamento forte.

     Nós devemos lutar pelos nossos casamentos através do amor, da maturidade e do altruísmo. O casamento tem os seus momentos difíceis: diferenças de personalidade, pressões da vida, desentendimentos etc., mas quando duas pessoas estão comprometidas uma com a outra e com Deus, Ele dá orientação e sabedoria. Ele pode reacender o amor. A Bíblia diz: "A corda de três dobras não se quebra facilmente" (Eclesiastes 4:12 TB). Faça de Cristo o centro do seu casamento.

     Ore para que o Senhor trabalhe em ambos os corações, com a lembrança do voto que foi assumido no início do relacionamento.

- Billy Graham

 

Sermões e Estudos

Alberto Veríssimo
Terra de Gigantes

Reunião de Homens por Alberto Veríssimo em 10 de agosto de 2019

Alberto Veríssimo
Tempestade vivida

Sermão proferido por Alberto Veríssimo em 18 de agosto de 2019

Alberto Veríssimo
José, ou saber esperar em Deus

Reunião de Jovens por Alberto Veríssimo em 09 de agosto de 2019

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 2:18 em 31 de julho de 2019

ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário