• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Carlos Oliveira
A certeza da fé

Tema abordado por Carlos Oliveira em 26 de fevereiro de 2021

Alberto Veríssimo
O valor da dor

Tema abordado por Alberto Veríssimo em 21 de fevereiro de 2021

Carlos Oliveira
Crer realmente

Tema abordado por Carlos Oliveira em 19 de fevereiro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 3:18,19 em 24 de fevereiro de 2021

 
ver mais
 

02-12-07 - Devaneios do Dr. Mário Soares

mario_soares.jpgO ex-Presidente da República Mário Soares lamentou a semana transacta que «as religiões rebaixem as mulheres» durante um colóquio no Hotel Altis, Lisboa, o mesmo espaço onde em tempos anunciou ser «republicano, socialista e laico».

Para demonstrar a «pouca estima que as religiões têm pela mulher», Soares recitou uma das mais famosas passagens da Bíblia: «Não cobiçarás a mulher do próximo...» e, depois de uma pausa, continuou «...nem o escravo, o boi, o burro, nem nada que lhe pertença».

Para Mário Soares, que é o presidente da Comissão da Liberdade Religiosa, este mandamento sagrado demonstra a «posição de inferioridade» da mulher no mundo da religião, que a iguala ao «boi e ao burro».

Em tom irónico, Soares lembrou passagens do Antigo e do Novo Testamento: «Se a lição que se pode extrair do Antigo Testamento é a de que devemos evitar as mulheres, no Novo Testamento a mulher surge como objecto vergonhoso».

Para Mário Soares, «as revelações divinas são fruto da imaginação de quem as escreveu», disse o homem que acredita que «não foi Deus que criou o Homem, mas sim o Homem que criou Deus».

«E se, no momento da morte, Deus visitasse Mário Soares?», questionou uma socialista da plateia. «Estou convencido que não existe, mas se me aparecesse, teria naturalmente que reconhecer e lhe dizer: Afinal, existe».

«O problema das mulheres na religião é uma bota muito difícil de descalçar. Este é um grande problema. Não para mim, mas para os teólogos», disse Soares, afirmando respeitar a crença da sua esposa que, perante a ameaça de perder o filho, se converteu ao catolicismo.

Com o filho à beira da morte, Maria Barroso «começou a rezar. Ele curou-se e ela converteu-se», disse o antigo Presidente da República.

«O que é que nós [família] havemos de fazer!? Ela vai à missa todos os Domingos. Faz essas coisas todas. Nós não. Temos de nos respeitar», afirmou.

Reconhecer a forma humilhante e aviltante com que algumas religiões tratam a mulher é uma coisa. Atribuir isso ao Autor da Bíblia, o Criador, é coisa bem diferente.

“Mas ao ímpio diz Deus: Que tens tu que recitar os Meus estatutos, e que tomar o Meu concerto na tua boca.
“… Soltas a tua boca para o mal, e a tua língua compõe o engano.
“… Estas coisas tens feito, e Eu me calei; pensavas que era como tu; mas Eu te arguirei, e, em sua ordem, tudo porei diante dos teus olhos.
“Ouvi pois isto, vós que vos esqueceis de Deus; para que vos não faça em pedaços, sem haver quem vos livre.” (Salmo 50:16-22)

Não é verdade que no texto bíblico citado por Mário Soares Deus compare a mulher ao «boi e ao burro». Essa é uma extrapolação sua - abusiva e ofensiva (com o devido respeito).

No entanto Deus diz muito claramente que os que, como Mário Soares não crêem em Deus, são piores que o boi e o jumento que conhecem o seu possuidor e dono. “O boi conhece o seu possuidor, e o jumento a manjedoura do seu dono; mas Israel não tem conhecimento, o meu povo não entende” (Isa. 1:3). Com esta verdade é que ele se deveria preocupar. Por conseguinte, em vez de Mário Soares se insurgir contra o nivelamento da mulher ao boi e ao burro, que Deus não faz, deveria antes preocupar-se em não ser, ele próprio, pior que o boi e o jumento ao afirmar que não crê que Deus existe.
Será que Mário Soares sabe que “O açoite é para o cavalo, o freio para o jumento, e a vara para as costas dos tolos” (Provérbios 26:3)?

“Disse o néscio (tolo ou louco) no seu coração: Não há Deus. Têm-se corrompido, e têm cometido abominável iniquidade …” (Salmos 53:1).

Oremos por Mário Soares para que se converta à verdade do Cristianismo - Cristo - e não à mentira do Catolicismo. Ainda vai a tempo!!!

“Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor Jeová, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva: convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois por que razão morrereis …?” (Ezequiel 33:11).

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário