• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Carlos M. Oliveira
A tragédia dos incêndios

Tema abordado por Carlos Oliveira em 07 de agosto de 2020

David Gomes
Zaqueu - sua estatura improvável

Tema abordado por David Gomes em 02 de agosto de 2020

Carlos Oliveira
A Ressurreição

Tema abordado por Carlos Oliveira em 31 de julho de 2020

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 3:11 em 05 de agosto de 2020

 
ver mais
 

17-07-2020 - Facebook e Instagram proíbem conteúdo que promove ‘terapia de conversão’

Logos do Facebook e Instagram

 

     Um psicoterapeuta profissional especializado em aconselhar pessoas com atração sexual indesejada denunciou uma recente proibição das redes sociais, de postagens que promovem “terapia de conversão”.

     Recentemente, o Instagram e o seu proprietário, o Facebook, anunciaram que proibiriam conteúdos que promovessem a prática controversa da terapia de esforços de mudança de orientação sexual, ou o que os críticos chamam de “terapia de conversão”.

     Christopher Doyle, conselheiro profissional e diretor executivo do Institute for Healthy Families (Instituto das Famílias Saudáveis), disse ao The Christian Post que considera a decisão das redes sociais um “ataque à liberdade de expressão e liberdade religiosa”.

     “Enquanto a empresa afirma que está a adotar essa ação para impedir a discriminação contra a comunidade LGBT, as pessoas reais que estão a sofrer são aquelas que experimentam conflitos indesejados de identidade sexual e de género e buscam opções de cura e terapia ética e licenciada”, disse Doyle.

     “Todos devem ter o direito de procurar ajuda para atrações indesejadas ou conflitos sexuais / de género sem interferência, e as empresas públicas não devem discriminar as opiniões, algumas das quais podem discordar para fins políticos”.

     Doyle explicou que a decisão não deve afetar o seu grupo porque ele não define as suas práticas como constituindo “terapia de conversão”.

     “Mas eu tenho clientes que têm conflitos indesejados de identidade sexual e de género que podem ser desencorajados por essas ações e se sentirem discriminados”, acrescentou.

     Os principais sites de redes sociais disseram à CNN Business que estavam a tomar medidas para proibir conteúdo que promove a terapia de conversão.

     “Não permitimos ataques contra pessoas com base em orientação sexual ou identidade de género e estamos a atualizar as nossas políticas para proibir a promoção de serviços de terapia de conversão”, disse Tara Hopkins, diretora de políticas públicas do Instagram para Europa, Médio Oriente e África em um comunicado , conforme relatado pela CNN.

     “Estamos sempre a rever as nossas políticas e continuaremos a consultar especialistas e pessoas com experiências pessoais para informar a nossa abordagem”.

     Hopkins explicou que eles já haviam removido o conteúdo de um grupo ministerial Cristão sem fins lucrativos baseado no Reino Unido chamado Core Issues Trust.

     A Core Issues Trust opôs-se aos esforços para proibir a terapia destinada a tratar a atração indesejada por pessoas do mesmo sexo, tendo denunciado um relatório das Nações Unidas que apoiava a proibição da prática.

     “Não se engane, este relatório é muito sinistro. Mistura alegações de tortura contra alguns estados membros com oposição a leis projetadas para proteger crianças de propaganda e sexualização gay”, afirmou a organização.

     “Ignora a história variada de diferentes abordagens à homossexualidade em diferentes países, culturas e religiões e, portanto, não promove o entendimento das questões. Se a ONU der o seu apoio oficial a este relatório, as liberdades básicas estarão em risco em todo o mundo. ”

     Nos últimos tempos, muitos conservadores denunciaram a censura política das suas ideias nas principais plataformas das redes sociais, como Facebook, Twitter e YouTube.

     No final de maio, o presidente Donald Trump assinou uma ordem executiva destinada a punir sites de redes sociais que censuravam indivíduos com base nas suas visões ideológicas.

     “Num país que há muito tempo aprecia a liberdade de expressão, não podemos permitir que um número limitado de plataformas online escolha o discurso que os americanos podem aceder e transmitir online”, diz parte do texto da ordem executiva.

- in The Christian Post

 

_________________________________________

NOTA de esclarecimento importante:

Esta secção de notícias é exatamente isso, e tão somente isso: notícias, visando informar o povo de Deus do que vai acontecendo no mundo. Não significa que subscrevamos princípios, práticas e costumes associados às mesmas. O resto do portal esclarece bem e com rigor o que realmente cremos à luz das Escrituras bem manejadas.

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário