• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Alberto Veríssimo
Terra de Gigantes

Reunião de Homens por Alberto Veríssimo em 10 de agosto de 2019

Alberto Veríssimo
Tempestade vivida

Sermão proferido por Alberto Veríssimo em 18 de agosto de 2019

Alberto Veríssimo
José, ou saber esperar em Deus

Reunião de Jovens por Alberto Veríssimo em 09 de agosto de 2019

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 2:18 em 31 de julho de 2019

ver mais
 

12-08-2019 - Condomínio despeja viúva idosa por evangelizar vizinhos e oferecer orações

viuva despejada california

 

     O estado da Califórnia está a investigar um caso em que uma viúva idosa teria sido forçada a deixar o seu apartamento devido às suas convicções religiosas e idade avançada.

     Diana Martin, 85 anos, morou no condomínio Windgate Village na cidade de Hanford durante quase 14 anos. Em fevereiro, ela foi informada pelo proprietário John Draxler – que é vice-presidente de Câmara da cidade – que ela seria despejada.

     Embora Diana tenha ficado meses no arrendamento anual e a sua renda tenha sido integralmente paga, os seus advogados dizem que Draxler citou a sua prática religiosa de comunicar a sua fé e oferecer-se para orar pelas pessoas como razões pelas quais ela precisava encontrar uma nova casa.

     O proprietário sabia que Diana estava a recuperar de sérios problemas de saúde. No dia em que foi informada, a idosa chorou alegando que era inverno e ela não tinha filhos morando perto. Draxler teria dito a ela que esses detalhes não eram problema dele.

     Segundo informações da emissora Christian Broadcasting Network (CBN News), um filho de Diana conversou com o proprietário e ouviu dele que os motivos do despejo eram a fé da sua mãe e a idade avançada. No entanto, o principal motivo para que Diana tenha escolhido viver no condomínio após ficar viúva foi que estes apartamentos haviam sido anunciados como residências de idosos.

     John Draxler comprou o complexo de apartamentos há alguns anos e, segundo relatos, trouxe inquilinos mais jovens, removendo os mais antigos. Diana Martin saiu com relutância do apartamento dela, e então contactou o Pacific Justice Institute (PJI) para obter ajuda.

     Os advogados da PJI ficaram surpresos com o que encontraram. Além das razões discriminatórias oferecidas para o despejo, os advogados notaram que o aviso dado a Diana tinha claros erros quanto ao prazo.

     Depois que as negociações com o proprietário foram interrompidas, a PJI entrou com uma acusação de discriminação no Departamento de Emprego e Habitação da Califórnia: “O que aconteceu com nossa cliente, Diana Martin, estava errado em muitos níveis”, disse o advogado da PJI, Matthew McReynolds, em um comunicado à imprensa.

     “Ninguém deve ser despejado com base na sua expressão religiosa, e especialmente não no caso de uma bisavó idosa. Estamos esperançosos de que uma investigação do Estado e medidas corretivas garantam que isso não aconteça com ninguém nesta comunidade”, acrescentou McReynolds.

     Além das razões discriminatórias dadas para o despejo, o proprietário alegou que Diana era “combativa” com a administração. Um dos conflitos entre ela e o condomínio resultou da tentativa deste tirar o seu espaço de estacionamento de longa data e transferi-lo para outro lugar a uma certa distância da sua porta e ao lado de uma lixeira. Diana havia levantado preocupações de segurança sobre os moradores de rua que procuram comida na lixeira, de modo que a medida parecia uma retaliação, de acordo com a PJI.

- in Gospel +

 

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário