• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Carlos Oliveira 19MAI19
Cremação

Sermão proferido por Carlos Oliveira em 19 de maio de 2019

Fernando Quental 12MAI19
Filhos no Casamento

Sermão proferido por Fernando Quental em 12 de maio de 2019

Fernando Quental 05MAI19
Mulheres no Casamento

Sermão proferido por Fernando Quental em 05 de maio de 2019

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 2:16 em 22 de maio de 2019

ver mais
 

06-03-2019 - Famoso historiador diz que há provas suficientes em favor do Cristianismo

garyhabermas raising a finger

 

     No âmbito da teologia e de outras áreas de conhecimento como a história e a arqueologia, o cristianismo é a única religião que possui ampla e suficiente fundamentação científica, de modo que a fé dos cristãos na pessoa de Jesus Cristo não está amparada apenas por algo de natureza espiritual, mas também factual.

     É o que sustenta o renomado historiador e filósofo americano, Gary Habermas, professor da Liberty University. Ele é conhecido por ser um profundo conhecedor do Novo Testamento e ser considerado um apologista Cristão, já tendo escrito várias obras sobre o assunto.

     Habermas concedeu uma entrevista recentemente, explicando que a maioria dos pesquisadores atualmente – incluindo ateus – já reconhecem que há provas suficientes acerca da veracidade da pessoa de Jesus Cristo, consequentemente, do cristianismo.

      “Há uma quantidade incrível de evidências para o cristianismo”, disse Habermas no programa Truth for a New Generation. “Quero dizer, nós temos mais evidências do que precisamos, francamente”.

     O historiador destacou que essas evidências surgem de áreas diferentes do conhecimento científico, e não apenas histórico, o que reforça ainda mais a narrativa dos textos bíblicos.

     “Evidências pesadas de quase 10 perspetivas diferentes, dados que os céticos frequentemente reconhecem. Temos a melhor evidência do mundo, mas também a mensagem religiosa mais evidenciada”, disse ele.

     Habermas fez questão de citar outro historiador, Bart Erhman, que também reconhece a existência histórica de Cristo, mas que é ateu. Sua intenção foi mostrar a certeza de que essa não é uma conclusão de viés religioso, mas puramente científico.

     “[Erhman] diz que de todos os milhares de professores em religião e assuntos cognatos, pessoas que lecionam em faculdades, universidades e seminários, ele diz que, ao seu conhecimento, nenhum deles ensinaria que Jesus nunca viveu”, explica Hamermas.

     O professor, que também é presidente do Departamento de Filosofia da Liberty, citou outro historiador romano (portanto, não cristão!) para atestar que a ressurreição de Cristo também é um facto histórico, não podendo ser ignorado racionalmente.

     “Michael Grant, um historiador romano, disse que se aplicarmos ao túmulo vazio as regras históricas normais que aplicamos a qualquer evento, realmente não se tem outra opção senão aceitar a historicidade do túmulo vazio”, ressalta Habermas.

     O historiador também comemorou o crescimento da apologética nos últimos anos, citando como os cristãos estão mais interessados em compreender os fundamentos científicos da sua fé. Por fim, ele conclui enfatizando a historicidade da pessoa de Cristo, algo que até hoje muitos ateus têm dificuldades em aceitar.

     “O mesmo tipo de história que diz que George Washington foi o primeiro presidente dos Estados Unidos, é a mesma história que diz que Jesus ressuscitou dos mortos”,concluiele.

- in Gospel +

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário