• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Jose Carvalho 09DEZ18
Mensagem difícil, mas inevitável

Sermão proferido por José Carvalho em 09 de dezembro de 2018

Jose Teles 02DEZ18
Os esquecidos III

Sermão proferido por José Teles em 02 de dezembro de 2018

Daniel Ferreira 01DEZ18
Os esquecidos II

Sermão proferido por Daniel Ferreira em 01 de dezembro de 2018

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 2:8 em 05 de dezembro de 2018

ver mais
 

08-06-2018 - Os “fariseus digitais” e o testemunho cristão

gritar ao pc 

 

     “Já se sentiu envergonhado do modo como alguns cristãos se expressam, a saber, num legalismo fanático, revelando a antítese da vida e dos ensinamentos do Senhor Jesus Cristo?”, esta foi a questão que incomodou um dos editores da revista inglesa Premier Christianity, Martyn Eden.

     Eden observou como a internet tem sido utilizada como palco de intrigas por várias pessoas, incluindo alguns cristãos, algo incompatível com os ensinamentos do Senhor Jesus Cristo. Para o autor, os “cristãos correm o risco de se tornar fariseus digitais” e isso reflete o distanciamento da centralidade do Evangelho nos nossos dias.

     “Alguns dos comentários que tenho lido são tão desagradáveis que é difícil pensar que vieram de alguém que tenha entendido a centralidade da graça e do amor que caracterizou a vida e o ensino do Senhor Jesus Cristo”, disse ele numa publicação do Premier Christianity.

      Como pesquisador, Eden observou também que alguns utilizam o Evangelho para tentar justificar opiniões, mas que sem se aperceber acabam confundindo a vivência com a teoria: “Há uma enorme diferença entre levar a sério a doutrina cristã e usá-la para agredir verbalmente qualquer pessoa com quem se discorde”, disse ele.

     Eden indica que a única forma de saber lidar com discordâncias numa época tão marcada por confrontos ideológicos, é tendo o Evangelho de Cristo como referência. “Todas as nossas diferenças deveriam ser expressas com graça e amor. Se queremos falar como cristãos, temos que nos lembrar da centralidade da graça e do amor no ensino do Senhor Jesus Cristo”, explica ele.

“Isso inclui amar aqueles com quem discordamos. Se desejamos mostrar que somos semelhante a Cristo, precisamos de nos manifestar sem arrogância e ódio”. conclui.

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    356 2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário