Como posso explicar o desânimo que sinto?

Billy Graham
 

 Apesar de Billy Graham já ter sido promovido à glória (07NOV1918-21FEV2018), continuaremos a publicar as suas Perguntas/Respostas - novas e em arquivo.

 

Pergunta: Como novo Cristão, estou desanimado por causa de todas as tentações que enfrento. Será que não seja realmente Cristão? – N.C.

Resposta: A tentação é muito poderosa, mas a habitação do Espírito Santo dá aos Cristãos força para lhe resistir. Estamos em guerra espiritual. Os nossos inimigos têm mais capacidade para nos tentar do que jamais experimentámos antes. Muitos novos crentes cometem um grande erro ao pensar que depois de serem salvos, se tornam perfeitos e passam a viver continuamente em alta. Em vez disso, surge o conflito e, às vezes, cedem à tentação. Se obedecermos a Cristo, Ele usará estas experiências para ajudar a aprofundar a nossa fé e mostrar-nos quão frágeis somos quando dependemos das nossas próprias forças.

     Uma antiga alegoria ilustra bem isso. Satanás reuniu um conselho de seus servos para consultar como poderiam fazer um homem bom, Cristão, pecar. Um espírito maligno disse: “Eu fá-lo-ei pecar”. "Como?" perguntou Satanás. “Colocarei diante dele os prazeres do pecado”, foi a resposta. “Vou falar-lhe das suas delícias.” “Ah”, disse Satanás, “isso não serve; ele tentou e sabe melhor do que isso. Então outro demónio disse: “Vou fazê-lo pecar”. "O que vais fazer?" perguntou Satanás. “Vou falar-lhe das dores e tristezas da virtude. Mostrar-lhe-ei que as virtudes não trazem delícias e não trazem recompensas.” "Não!" exclamou Satanás, “isso não serve de jeito nenhum; sofrer por Cristo é para o Cristão um enorme privilégio e honra de que não abrirá mão”. “Bem”, disse outro, “eu comprometer-me-ei a fazê-lo pecar”. "E o que vais fazer?" perguntou Satanás, novamente. “Vou desencorajar a sua alma”, foi a resposta curta. “Ah, isso basta!” gritou Satanás, “vamos conquistá-lo já”.

     O conflito espiritual está em ação no coração de cada crente. É verdade que o Cristão possui uma nova natureza, mas a velha natureza pecaminosa ainda existe. Cabe agora a nós, dia após dia, render-nos à nova natureza, que Cristo domina.

- Billy Graham

(Esta coluna baseia-se nas palavras e escritos do saudoso Billy Graham.)

 

 

Sermões e Estudos

Carlos Oliveira 21JUN24
O verdadeiro purgatório

Tema abordado por Carlos Oliveira em 21 de junho de 2024

Daniel Ferreira 16JUN24
O perigoso baixar da fasquia

Tema abordado por Daniel Ferreira em 16 de junho de 2024

Carlos Oliveira 14JUN24
Grande perdão para grande pecado

Tema abordado por Carlos Oliveira em 14 de junho de 2024

Estudo Bíblico
1 Timóteo 1:14,15

Estudo realizado em 19 de junho de 2024

ver mais
 
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • Rede Móvel
    966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • HORÁRIO
    Clique aqui para ver horário