Seja Alegre XVI

w_wiersbe_warren.jpg2. Cooperação (1:27b)

     Paulo passa agora a usar a ilustração do atletismo. A palavra traduzida por «combatendo juntamente» dá-nos o termo «atletismo». Paulo vê a igreja como uma equipa e recorda aos crentes que é o trabalho em equipa que ganha vitórias. Não nos esqueçamos de que havia divisão na igreja de Filipos. Um dos motivos era que havia duas mulheres que não estavam a dar-se bem (4:2). Aparentemente, os membros da comunidade tomavam partido, como acontece muitas vezes, e a divisão daí resultante estava a prejudicar o trabalho da igreja. O inimigo fica sempre feliz ao ver divisões internas no ministério local. «Dividir para conquistar» é o seu lema, e muitas vezes consegue-o. É só combatendo juntos que os crentes podem vencer o inimigo
.

Ler mais: Seja Alegre XVI

Seja Alegre XVII

w_wiersbe_warren.jpg3. Confiança (1:28-30)

     «Em nada vos espanteis dos que resistem!» A palavra que Paulo usa aqui aponta para um cavalo que foge da batalha. É claro que ninguém vai arremessar-se cegamente para a luta; mas por outro lado, nenhum crente verdadeiro deve deliberadamente evitar enfrentar o inimigo. Nestes versículos, Paulo dá-nos palavras de encorajamento para nos transmitir confiança na batalha
.

Ler mais: Seja Alegre XVII

Seja Alegre XIX

w_wiersbe_warren.jpgl. Ele pensa nos outros, não em Si próprio

(2:5-6)

A «mente» de Cristo significa a «atitude» que Cristo mostrou. «A vossa atitude deve ser igual à de Cristo Jesus» (v. 5, NVI). Afinal de contas, a perspectiva determina o resultado. Se essa perspectiva é egoísta, as acções serão tendentes a dividir e destruir. Tiago faz idêntica afirmação (ver Tiago 4:1-10).


Ler mais: Seja Alegre XIX

Seja Alegre XX

w_wiersbe_warren.jpg2. Ele serve (2:7)

     Pensar nos «outros» apenas de modo abstracto não basta; temos de descer aos fundamentos do verdadeiro serviço. Um famoso filósofo escreveu palavras muito bonitas a respeito da educação dos filhos, mas abandonou os seus. Para ele era fácil amar as crianças em termos abstractos, mas quando se entrava no campo da prática o assunto mudava de figura. Jesus pensou nos outros e tomou-Se servo! Paulo traça os degraus na humilhação de Cristo: (l) Ele aniquilou-Se a Si mesmo, pondo de lado o uso independente dos Seus próprios atributos como Deus; (2) Ele tornou-Se permanentemente humano, num corpo físico sem pecado; (3) Ele serviu-Se desse corpo para ser servo; (4) Ele levou esse corpo à cruz e morreu voluntariamente.

Ler mais: Seja Alegre XX

Sermões e Estudos

David Gomes 26SET21
Como lidar com portas fechadas

Tema abordado por David Gomes em 26 de setembro de 2021

Carlos Oliveira 24SET21
As religiões são todas boas?

Tema abordado por Carlos Oliveira em 24 de setembro de 2021

Alberto Verissimo 19SET21
Crer ou Crer, eis a questão

Tema abordado por Alberto Veríssimo em 19 de setembro de 2021

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 4:3 em 22 de setembro de 2021

 
ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário