• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Fernando Quental
O bom entendimento

Sermão proferido por Fernando Quental em 23 de fevereiro de 2020

Dário Botas
O orgulho do homem

Sermão proferido por Dário Botas em 16 de fevereiro de 2020

Bruno Santos
Profeta Elias

Sermão proferido por Bruno Santos em 09 de fevereiro de 2020

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 3:3 em 19 de fevereiro de 2019

 
ver mais
 

21-01-08 - Duas proclamações importantes de George W. Bush

bush.jpg

     Num espaço de 5 dias o Presidente dos EUA, George W, Bush, fez duas proclamações muito significativas.

     Proclamou o dia 16 de Janeiro como o Dia da Liberdade Religiosa e o dia 20 de Janeiro como o Dia Nacional da Santidade da Vida Humana.

     Proclamação do Presidente dos Estados Unidos da América:

     Thomas Jefferson considerou a liberdade de adoração como uma das maiores bênçãos da América. Ele disse que era ‘noutros países uma liberdade considerada incompatível com uma boa governação, mas, pela nossa experiência, tem sido provado ser o seu melhor apoio”. No Dia da Liberdade Religiosa, celebramos a passagem, em 1786, do Estatuto da Virgínia para a Liberdade Religiosa.

     A liberdade de adoração, de acordo com a consciência é um dos valores mais queridos da nossa Nação. É a primeira protecção oferecida pela Carta dos Direitos: que “O Congresso não fará nenhuma lei com respeito ao estabelecimento da religião, ou proibindo o seu exercício livre consequente”. Na América, as pessoas de diferentes fés podem viver juntas, unidas em paz, tolerância, e humildade. Nós estamos comprometidos com a proposição de que como cidadãos iguais dos Estados Unidos da América, somos todos livres para adorar consoante a nossa preferência.

     Numa era em que um número sem precedente de nações tem abraçado a liberdade individual, temos também testemunhado a intransigência da repressão religiosa. A liberdade religiosa pertence não a qualquer nação, mas ao mundo, e a minha Administração continua a apoiar a liberdade de adoração no país e no exterior. No Dia da Liberdade Religiosa e ao longo do ano, reconhecemos a importância da liberdade religiosa e o papel vital que ela tem na propagação da liberdade e na garantia da dignidade humana.

     AGORA, PORTANTO, EU, GEORGE W. BUSH, Presidente dos Estados Unidos da América, por virtude da autoridade que me investem a Constituição e as leis dos Estados Unidos, proclamo por este meio o dia 16 de Janeiro de 2008, como sendo o Dia da Liberdade Religiosa. Convoco todos os Americanos a reflectirem sobre a grande bênção da liberdade religiosa, a empenharem-se na preservação desta liberdade para as gerações futuras, e a comemorarem este dia com apropriados eventos e actividades.

     COMO TESTEMUNHO DISTO, assino com o meu próprio punho neste décimo quarto dia de Janeiro, do ano de nosso Senhor de 2008, e do ano duzentos e trinta e dois da Independência dos Estados Unidos da América.
GEORGE W. BUSH

     Proclamação do Presidente dos Estados Unidos da América:

     No Dia Nacional da Santidade da Vida Humana, reconhecemos que cada vida tem inerente dignidade e incomparável valor, e reafirmamos a nossa firme determinação de defender os membros mais fracos e vulneráveis da nossa sociedade.

     Os Estados Unidos foram fundados na crença de que todos os homens são criados iguais e têm um direito inalienável à vida, liberdade e busca da felicidade, e o nosso país permanece comprometido a sustentar esse princípio da fundação. Desde que assumi a presidência, assinei legislação para proteger a vida em todas as fases, e a minha Administração continuará a incentivar a adopção, a financiar programas de educação de abstinência e programas para ajudar mulheres com gravidezes de crise e a apoiar grupos de orientação religiosa. Hoje, à medida que a nossa sociedade busca novos caminhos para amenizar o sofrimento humano, temos de aspirar às possibilidades da ciência de um modo que respeite o dom sagrado da vida e sustente os nossos valores morais.

     A nossa nação tem feito progresso nos seus esforços para proteger a vida humana, e esforçar-nos-emos para mudar corações e mentes com compaixão e decência. No Dia Nacional da Santidade da Vida Humana e durante o ano inteiro, ajudamos a fortalecer a cultura da vida nos Estados Unidos e trabalhamos para que chegue o dia em que toda criança seja acolhida na vida e protegida na lei.

     Agora, pois, eu, George W. Bush, Presidente dos Estados Unidos da América, por virtude da autoridade que me investem a Constituição e as leis dos Estados Unidos, proclamo por este meio Domingo, 20 de Janeiro de 2008, como Dia Nacional da Santidade da Vida Humana. Convoco todos os americanos a reconhecer este dia com cerimónias apropriadas e a enfatizarem o nosso compromisso de respeitar e proteger a vida e a dignidade de todo ser humano.

GEORGE W. BUSH
 
     Talvez agora possamos perceber porque é que este Presidente, George W. Bush, suscita tanta animosidade, ódio mesmo, em tantos círculos. Ele navega contra a corrente, defendendo o que outros abominam e combatem mesmo. Oremos por ele.

     "Admoesto-te pois, antes de tudo, que se façam deprecações, orações, intercessões, e ações de graças por todos os homens; pelos reis, e por todos os que estão em eminência, para que tenhamos uma vida quieta e sossegada, em toda a piedade e honestidade. Porque isto é bom e agradável diante de Deus nosso Salvador, que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade" (1 Tim. 2:1-4).

     Um dia ele disse:

     "A oração e a fé sustêm-me. Eu recebo calmaria nas tempestades da presidência. Aprecio muito o facto das pessoas orarem por mim e pela minha família em todo o mundo. Alguém perguntou-me uma vez: Como sabe isso? Eu respondi, dizendo que simplesmente o sinto."

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    2975-192 QUINTA DO CONDE 





     
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário