Para onde apontam os sinais? (2)

sinal apontando

 

CIRCUNCISÃO

     Romanos 4:11 declara que a circuncisão é um “sinal” e quando esta foi inicialmente dada por Deus a Abraão em Génesis 17, não foram deixadas dúvidas quanto ao seu significado, para onde apontava:

     “Este é o Meu concerto, que guardareis entre Mim e vós, e a tua semente depois de ti: Que TODO O MACHO SERÁ CIRCUNCIDADO.

     “E circuncidareis a carne do vosso prepúcio; e isto SERÁ POR SINAL DO CONCERTO ENTRE MIM E VÓS.

     “Com efeito será circuncidado o nascido em tua casa, e o comprado por teu dinheiro; E ESTARÁ O MEU CONCERTO NA VOSSA CARNE POR CONCERTO PERPÉTUO” (Génesis 17:10,11,13).

Ler mais: Para onde apontam os sinais? (2)

Para onde apontam os sinais? (1)

sinal apontando

 

     O livro de Marcos conclui com uma passagem que todo o crente e obreiro cristão deveria ponderar em espírito de oração:

     “Ora o Senhor, depois de lhes ter falado, foi recebido no Céu, e assentou-se à direita de Deus.

     “E eles, tendo partido, pregaram por todas as partes, cooperando com eles o Senhor, E CONFIRMANDO A PALAVRA COM OS SINAIS QUE SE SEGUIRAM. Amém”.

Ler mais: Para onde apontam os sinais? (1)

A Celebração de um Nascimento (I)

Cornelius R. Stam     "E, achado na forma de homem, humilhou-Se a Si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.

     “Por isso, também Deus O exaltou soberanamente, e Lhe deu um Nome que é sobre todo o nome;

     “Para que ao Nome de Jesus se dobre todo o joelho dos que estão nos céus, e na terra, e debaixo da terra,

     “E toda a língua confesse que Jesus Cristo é o Senhor, para glória de Deus Pai."
(Fil. 2:8-11).

Ler mais: A Celebração de um Nascimento (I)

A Celebração de um Nascimento (II)

Cornelius R. Stam

A INCARNAÇÃO

     É, de forma abençoada, verdade que a natividade do nosso Senhor foi diferente do nascimento do maior dos homens. O Seu nascimento foi uma incarnação. Deus veio a este mundo “em carne”, e indubitavelmente isto deveria ser, mas raramente é, enfatizado, porém certamente não aparte do que, na própria natureza do caso, o Deus-homem veio cumprir:

     “Esta é uma palavra fiel, e digna de toda a aceitação, que Cristo Jesus veio ao mundo, para salvar os pecadores, dos quais eu sou o principal” ( I Tim. 1:15).

Ler mais: A Celebração de um Nascimento (II)

A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (9)

Chave da Bíblia

 

ALGUMAS QUESTÕES

     Agora, umas questões importantes e interessantes:

     1 - Quantas ou quão poucas das trinta práticas religiosas atrás citadas são para obediência dos membros do Corpo de Cristo?

     2 - Os cristãos têm algum direito bíblico de selecionar um, dois, três, cinco, dez ou vinte, ou mais das trinta para a sua obediência e prática sem apresentar um princípio dado por Deus?

     3 - Não existe um tal princípio Divino na Bíblia?

     A resposta a estas questão, e muitas outras, é muito importante.

     Se Deus não mudou radicalmente o programa para Sua Igreja depois da Nação Israel ter sido posta de lado e a transição do período dos "Atos" ter chegado ao fim, então cem por cento dos membros da Igreja de Deus são desobedientes e infiéis . E como um pregador disse, "se os sinais de Marcos 16:17 e 18 são as credenciais de um cristão, não houve cristãos desde que os apóstolos morreram".

- J. C. O'Hair
(FIM)

A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (1)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (2)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (3)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (4)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (5)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (6)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (7)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (8)
A Resposta Dispensacional a Práticas Religiosas Não Dispensacionais (9)

Sermões e Estudos

David Gomes
Não comprometendo o conteúdo

Sermão proferido por David Gomes em 14 de janeiro de 2018

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 1:18, realizado em 10 de janeiro de 2018

Jose Carvalho 07JAN18
A superioridade ... de Cristo

Sermão proferido por José Carvalho em 07 de janeiro de 2018

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 1:18, realizado em 03 de janeiro de 2018

ver mais
 
  • Avenida da Liberdade 356 
    Quinta do Conde
  • geral@iqc.pt
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • Domingo: 10:00, Ceia do Senhor
    11:00, Pregação e Escola Dominical
    Quarta-feira: 21:00, Oração e Estudo Bíblico