• 1
  • 2
  • 3

Servindo entusiasticamente,
com amor e temor,

para em tudo te enriquecer em Cristo, em toda a Palavra, em todo o conhecimento (1 Coríntios 1:5).

Testemunhos

Pedro Cândido

Breve testemunho acerca de como se converteu a Cristo e de como tem sido a sua vida ao Seu lado.

José Jacinto Carvalho

Conversão significa mudar de vida e a minha vida mudou mesmo.

Jorge da Silva

Como a graça de Deus o conduziu à salvação em Cristo. Ouve o seu testemunho até ao fim.

Sermões e Estudos

Jose Carvalho 17JUN18
Até quando?

Sermão proferido por José Carvalho em 17 de junho de 2018

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 1:25 realizado em 13 de junho de 2018

Miguel David 10jun18
Saída do beco

Sermão proferido por Miguel B. e David G.em 10 de junho de 2018

Estudo Bíblico
Estudo Bíblico

Sobre a Epístola aos Colossenses 1:24 realizado em 30 de maio de 2018

ver mais
 

30-05-2018 - Torturado por oficial chinês ouve: “Cristo ensinou-te a amar-me”

Culto de oração na Early Rain Covenant

 

     Um jovem cristão chinês, que foi preso no início deste mês apenas por participar de um culto na sua igreja, relatou numa carta a tortura e a zombaria que sofreu na cadeia. Enquanto um oficial o agredia, insistia que Jesus mandava “amá-lo”.

     A missão ChinaAid, que monitorizaa a perseguição aos cristãos no país comunista, divulgou uma versão em inglês da carta assinada por Song Enguang. O jovem é um dentre os milhares de cristãos presos recentemente pelas autoridades chinesas, que tentam reprimir as manifestações religiosas em todo o país.

     Ele e a sua esposa estavam no culto na igreja Early Rain Covenant (culto de oração na foto), na cidade de Chengdu. Ambos foram presos. Segundo um dos pastores da igreja, Wang Yi, logo que ele foi levado a uma “câmara de interrogatório” dentro da esquadra, pediram que ele confessasse que é um pregador.

     “Um guarda arrastou-me para o canto da sala, e gritando comigo, fez-me agachar. Um agente da polícia retirou-me os óculos e bateu várias vezes na minha cabeça. Eu estou aqui há algum tempo, foi um interrogatório brutal”, escreveu ele na carta que enviou à sua igreja.

      “Eles me insultaram-me e empurraram-me. Revezaram-se enquanto me magoavam”, acrescenta. Enguang disse que depois de um tempo foi levado a um oficial que dizia ser “o seu líder”. Esse homem, que não revelou o nome, fazia perguntas sobre a Bíblia enquanto batia nele.

     “Eu li a Bíblia várias vezes e não entendo tudo. Tens pais?”, argumentou.

     Ao responder que “Sim”, Enguang foi questionado: “Quem te criou? Ele afirmou “Os meus pais deram-me à luz”. O torturador então enfureceu-se e gritou: “Deus criou-te”.

     A partir de então começou a bater no seu rosto: “Se alguém bate em ti numa face, o que vem a seguir?”. O cristão respondeu: “Oferece a outra também”. O tal líder continuou batendo nele e perguntava: “Em que livro está isso?”. Quando o jovem afirmou: “O Livro de Mateus”, ouviu então: “Qual capítulo?”.

     O homem não parou de bater nele, enquanto afirmava: “Eu vejo raiva nos teus olhos, Cristo ensinou-te a amar-mer, não te deverias irritar”.

     Na carta detalhando u seu sofrimento, o jovem disse que apanhou mais de 30 vezes, mas não negou a sua fé e ainda pregou o Evangelho aos guardas. “Naqueles momentos, eu tinha a certeza de que o meu Salvador estava comigo, que Ele é o único em quem podia confiar, pois Deus nunca me abandona”, escreveu.

     “Quando fui espancado, a imagem de Cristo a ser espancado pelos soldados apareceu vividamente diante de mim. Consegui entender por que os apóstolos começaram a espalhar o Evangelho novamente imediatamente depois de serem perseguidos”, encerrou o jovem.

     Wang Yi disse que o jovem e a esposa foram libertados e pedem as orações para que consigam levar adiante os seus projetos de evangelização.

- in Gospel Prime

FRUINDO DA ADMIRÁVEL GRAÇA DE DEUS,
A NOSSA MISSÃO É AJUDAR TODOS 
A USUFRUIR DA MESMA GRAÇA.

"... vos exortamos a que não recebais a graça de Deus em vão" (2 Coríntios 6:1).
Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus ... (Efésios 3:2)
"... que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar
a ação de graças para glória de Deus" (2 Coríntios 4:15).
"Porque pela graça sois salvos ..." (Efésios 2:8).

  • Avenida da Liberdade 356 
    356 2975-192 QUINTA DO CONDE





     
    Hotel Íbis, Avenida Casal Ribeiro, 23
    1000-090 LISBOA
  • geral@iqc.pt 
  • 966 208 045
    961 085 412
    939 797 455
  • QUINTA DO CONDE
    Clique aqui para ver horário






     

    LISBOA
    Clique aqui para ver horário